Eliel
Mendes
Eliel
Mendes
Brasília, Cidade do meu amor
 
 
 
Início  Contato
 
Untitled Document
  Início
  Notícias
  Propostas/Publicações
  Comitês
  Agenda
  Receba o Boletim
  Pedido de Material/Sugestões
  Voluntários
  Prestação de Contas
(Demonstrativo)
  Galeria de Fotos
  Área Restrita
   
   
   

 
BRASÍLIA NO CAMINHO CERTO
Notícias

09/10/2009
Bilionários criam primeira réplica perfeita da Arca de Noé

Mas um Holandês da cidade de Schagen construiu uma réplica da Arca de Noé. No seu interior, encontram-se modelos em tamanho real de girafas, elefantes, leões, crocodilos, zebras e bisontes. O interessante é que não é uma réplica perfeita das descrições bíblicas (a arca é apenas um quinto do tamanho original), mas a intenção é dar uma ideia do que teria sido a realidade.

Johan Huibers construiu a arca como testemunho da sua fé na verdade literal da Bíblia. Com uma altura equivalente a um prédio de três andares e mais de 67 metros de comprimento (um campo de futebol tem 90 metros), a arca demorou quase dois anos a ser construída.

Blz...Mas e daí... A Arca de Noé existiu? Existem provas? Evidências?

Realmente estão descobrindo várias evidências desde 1883 que realmente existe uma grande embarcação no monte Ararate na Turquia. Fotos tiradas de satélites, depoimento de pessoas que dizem realmente terem chegado até a arca e evidências como uma pedra que se parece uma âncora.

Também amostras da suposta madeira da arca estão sendo analisadas e muitas inscrições em rochas encontradas na região aos redores do monte servem de fatos de que realmente existe uma arca em algum lugar por ali.

Em 17 de junho de 1949 uma missão de rotina da Força Aérea Americana fotografou a mais de 4 mil metros de altura algo muito estranho. Os especialistas analisaram as fotos e emitiram um relatório chamado “anomalia do Ararate” e foi mantido em segredo por mais de 50 anos. Mas em 1993 Porcher Taylor um estudante especializado em satélites e diplomacia começou a fazer severas perguntas sobre esses arquivos. Ele acabou descobrindo que junto com as fotos de 1949 também haviam outras fotos tiradas por um U-2 (avião-espião) e fotos de alta resolução tiradas pela CIA em 1973 usando o satélite militar KH-9 e até fotos mais sofisticadas tiradas pela CIA através do satélite KH-11 em 1976/1990/1992. Depois de muitos esforços o serviço de defesa liberou 6 fotos das tiradas em 1949 e não foram suficientes para provar se a anomalia era uma formação rochosa ou algo construído por mãos humanas. As fotos foram tiradas de muito longe e um pouco fora de foco (1949). Mesmo depois de outras tentativas usando um satélite comercial de alta precisão as fotos tiradas no verão de Out/99 (um dos mais quentes de todos os tempos na Turquia) ainda não davam para terem certeza sobre a anomalia encontrada no monte Ararat. A espessura de gelo é muito profunda e quase impossivel para se obter uma foto nítida daquele lugar.

Se a arca existe, por que então eles não conseguem encontrá-la? E por que não se organiza uma grande expedição para desvendar tudo?

Primeiro: porque durante quase todo o ano o Ararat é coberto de neve. Segundo: os terroristas curdos atrapalham e atacam expedicionários que se aventuram a subir o monte; aquela é uma região muito conturbada. Nos anos 90, mais de 6 mil pessoas morreram no monte e só existe permissão para subir do lado sul, enquanto a suposta arca está no lado norte.

Um geólogo certa vez declarou: Talvez a maior descoberta arqueológica de todos os tempos - a arca de Noé - esteja sendo preservada providencialmente para, no momento certo, ser revelada ao mundo como um monumento, prestando silenciosamente sua homenagem ao Criador e Mantenedor da vida, o mesmo Deus que amorosamente deseja implantar em nosso ser a Sua própria imagem, para que possamos habitar eternamente em Sua companhia, no Céu e na Nova Terra finalmente restaurados.

"Genesis 8,4 - E a arca repousou no sétimo mês, no dia dezessete do mês, sobre os montes de Ararate."


www.elielmendes.com - elielmendes@elielmendes.com
 
   Desenvolvido porSite da WebNewWay